Escaladas.com.br

Até o momento, temos 6.105 vias cadastradas em 1207 locais de 327 cidades de 24 estados brasileiros.

Localização do local

Dados do local Minas Gerais > Ferros > Parede Principal – Setor Central

Ampliar imagem Parede Principal – Setor Central
Foto: Pedro Bugim
Ampliar imagem Parede Principal – Setor Central
Parede Principal - Setor Central - esquema de trilhas.
Parede Principal – Setor Central
Cadastrada por: Luciano Bender, em 16-02-2019 às 08:52
Descrição: A Parede Principal é uma das principais atrações para os escaladores que visitam Ferros. Também conhecida como "Paredes de Aço", conta com vias entre 18 e 220 metros. Esta parede colossal possui cerca de dois quilômetros de extensão, desde sua extremidade direita (Setor Clássicas Curtas) à sua extrema esquerda (Setor Clássicas Longas), com vias de praticamente todos os tipos.

A predominância é de vias em agarras e ótimos abaulados / buracos, conferindo ao escalador lances bem estéticos. Como não poderia deixar de ser, estas paredes apresentam também boas passadas em aderência.

O interessante é o fato de a parede apresentar vias curtas e longas, ambas, tanto com graduações elevadas, quanto com graduações bem simplórias, agradando a todos os gostos.

SETOR CENTRAL

O setor apresenta, de um modo geral, vias nas quais predominam lances em agarras e impressionantes buracos, apesar de haver boa solicitação de aderência da sola na pedra. A extensão das vias neste setor (metade esquerda da Parede Principal) varia de 90 a 180 metros, com graduação de IIIsup até Vsup.

Neste setor, destacam-se as vias "Marcado a Ferro" (4º V – 180m), "Hilda Furacão" (3º IV – 165m), "Ferro no Judas" (5° Vsup – 130m), "Pé de Pano" (3° IV – 150m) e "Cordão do Bola Preta" (3° IVsup – 130m – Mista), vias estas que, em seu conjunto, permitem um bom conhecimento desse trecho central da Parede Principal, além de satisfação garantida.

A título de curiosidade, neste setor localiza-se primeira via da região: a "Iron Men" (4º V – 160m), conquistada por Tonico, Juliano Magalhães e Marcos Leiras em março de 2006, dando assim início este excelente polo de escaladas!
Como chegar à base: O acesso às bases das primeiras vias desse setor se dá pela trilha principal do Vale do Roncador, bifurcando à direita logo após a segunda travessia do córrego. Para as vias centrais da parede, deve-se seguir por mais alguns metros e pegar uma nova picada também à direita, iniciada em um pequeno barranco com uma árvore firme em cima. É possível margear a parede em quase toda sua extensão neste setor, facilitando assim a identificação da base das vias. Para as vias da extrema esquerda, deve-se pegar um rio seco de pedras, à frente de um bambuzal e o córrego. A entrada é marcada com um pequeno totem de pedra.
Fonte: VERGNANO, Pedro Bugim Ruel; MAGALHÃES, Antonio Carlos; GOMES, Celso José Ferreira. Guia de Escaladas de Ferros/MG. Rio de Janeiro: Ed. dos autores, 2018. Disponível em http://www.grupounicad.com.br/pedro/Guia_Ferros.pdf
Coordenadas: -19.293468762503092,-42.98047326030064
Encontrou algo errado? Clique aqui

Vias cadastradas neste local

A Decadência da Bufa
D1 4º IVsup E1
Acessar
A Ferro e Fogo
D1 3º IV E2
Acessar
CDF (
D1 4º IV E2
Acessar
Paredão Chapado
D1 3º IV E1
Acessar
Chuva Ácida
IIIsup
Acessar
Cordão do Bola Preta
D1 3º IVsup E2
Acessar
Dona Flor e Suas Duas Marretas
D1 3º IIIsup E2
Acessar
Eu Sei o Que Vocês Fizeram no Blackout Passado
D1 3º IVsup E1
Acessar
Ferro no Judas
D1 5º Vsup E2
Acessar
Ferro Velho
D1 3º IV E2
Acessar
Hilda Furacão
D1 3º IV E1
Acessar
Iron Men
D1 4º V E2
Acessar
Jeca Tatu
3º IVsup E1
Acessar
Marcado a Ferro
D1 4º Vsup E2
Acessar
Pé de Pano
D1 3º IV E1
Acessar
Pum Medonho
D1 3º IIIsup E2
Acessar
Rainha da Base
D1 3º IVsup E2
Acessar
Rolam as Pedras
D1 4º IV E2
Acessar
Variante Tatu do Jeca
IIIsup
Acessar
Tromba D'Água
D1 4º IV E3
Acessar
Valeu Papito
3º IIIsup E1
Acessar